You are here:  / Críticas / UMA PROVA DE AMOR

UMA PROVA DE AMOR

www.estacaodvd.com.br

 

Impressionante como o primeiro ato de ‘Uma Prova de Amor’ consegue pegar o espectador desprevenido. Apesar de ser lotado daquele clichezão habitual, o roteiro escrito pelo diretor Nick Cassavetes (‘Alpha Dog’) e por Jeremy Leven, leva um certo ineditismo e um suspiro de renovação.

Cameron Diaz (‘O Amor não tira Férias’), encontra aqui uma chance de estar num ‘trabalho sério’, sendo mais que um rosto bonito, mas não dá a sua personagem a força necessária – as sequências dela no tribunal, são terríveis. Já Abigail Breslin (‘Pequena Miss Sunshine’) e Sofia Vassilieva (‘Marco Zero’) brilham em todos os 109 minutos que estão frente às câmeras e Alec Baldwin (‘Os Infiltrados’) é o coadjuvante de luxo, sempre seguro e firme.

As imagens bonitas esteticamente podem parecer um tanto estereotipadas, mas emocionam grande parte do público, juntamente com a trilha sonora, que não tem absolutamente nada de novo. Os flashbacks, tendem a colocar o espectador a par de tudo, mas às vezes Cassevetes extrapola nas explicações e nas narrações em off.

Kate Fitzgerald tinha leucemia e ninguém da família era compatível para ajudá-la nos transplantes. Portanto, seus pais decidem gerar outra criança para que a medula óssea da mais nova, prolongasse a vida da irmã. Quando chega na adolescência, Anna se questiona sobre ‘viver em função da irmã doente’ e toma uma decisão drástica e que mudará a família por completo.

Particularmente acredito que o terceiro ato exagera na dramaticidade, mas até aí, ‘Uma Prova de Amor’ já nos laçou e nada disso é sentido com tanta força. O fato é, a película derrete até os corações mais frios, emociona os marmanjos e repete o feito de ‘Marley e Eu’, introduzindo sentimentos sutis num gênero quase defasado.

Título Original: My Sister’s Keeper
Ano Lançamento: 2009 (EUA)
Dir.: Nick Cassavetes
Elenco: Abigail Breslin, Cameron Diaz, Sofia Vassilieva, Alec Baldwin, Jason Patric, Evan Ellingson

ORÇAMENTO: 30 Milhões de Dólares

Comente via Facebook

Comentários

1 COMMENT

  • Um episódio de House com mais de uma hora….

LEAVE A REPLY

Your email address will not be published. Required fields are marked ( required )

Críticas

Séries

Games

Canal Cinema e Pipoca