You are here:  / Críticas / Premiações / Trailers / Trama Fantasma, o último filme de Daniel Day Lewis

Trama Fantasma, o último filme de Daniel Day Lewis

Talvez este texto de Trama Fantasma, o último filme de Daniel Day Lewis, seja um dos mais polêmicos de todos que fiz nesta maratona dos indicados ao Oscar 2018. Explico: enquanto 98% dos espectadores estão amando e elogiando a obra dirigida por Paul Thomas Anderson (de Magnólia), saí da sessão incomodado pela lentidão da narrativa, mas também impressionado com o desfecho arrebatador – nunca mais comerei cogumelos da mesma maneira.

Dos 130 minutos, a primeira metade demora a passar e, apesar dos diálogos imponentes citados pelo genial Day Lewis (tão genial quanto Reynolds Woodcock) e pela ótima Lesley Manville, que bota medo apenas com o olhar, dos figurinos riquíssimos e da trilha sonora que concorre ao Oscar, parece que o roteiro não engrena e as subtramas que vão se desenvolvendo deixam a desejar.

A tensão sexual entre Woodcock e Alma extrapolam a tela, mas os maneirismos do estilista, assim como seus questionamentos em relação ao amor e todas as pessoas que o rodeiam, dificultam o romance. Se formos olhar mais a fundo, ele necessita fundamentalmente das mulheres em sua vida, seja para o amor, para tirar suas ideias do papel ou para cuidar de cada minuto do seu dia a dia.

Trama Fantasma, o último filme de Daniel Day Lewis

Pôster do filme

Alma (vivida por Vicky Krieps), que parece apenas uma manequim nas mãos do seu amado, tem um enfrentamento brutal, onde duras verdades são apresentadas. E conforme os anos de carreira foram lapidando o talento dele, vai também moldando as formas com que este relacionamento seguirá e o quanto as duas partes estarão dispostas a ceder por um bem maior. Trama Fantasma, o último filme de Daniel Day Lewis é difícil e, de certa forma, trágico.

Sinopse de Trama Fantasma:

Um famoso estilista da década de 50 trabalha ao lado de sua irmã, vestindo os grandes nomes da realeza britânica. As mulheres que entram e saem de sua vida, dão a inspiração necessária para ele criar belíssimos vestidos, mas surge Alma, uma jovem que transforma-se em sua nova musa e modifica completamente seus planos.

Título Original: Phantom Thread
Ano Lançamento: 2017 (Estados Unidos)
Dir: Paul Thomas Anderson
Elenco: Daniel Day-Lewis, Lesley Manville, Vicky Krieps, Richard Graham

ORÇAMENTO: 35 Milhões de Dólares
NOTA: 7,0

INDICAÇÃO DO FILME PARA O OSCAR: Filme / Diretor / Ator / Atriz Coadjuvante / Figurino / Trilha Sonora Original

Confira também um dos nossos vídeos do Canal Cinema e Pipoca

Comente via Facebook

Comentários

LEAVE A REPLY

Your email address will not be published. Required fields are marked ( required )

Críticas

Pipocast

Séries

Entrevistas