You are here:  / Críticas / Sentinela… um Jack Bauer genérico nos cinemas

Sentinela… um Jack Bauer genérico nos cinemas

Lembra-se da primeira temporada do seriado 24 Horas, onde o presidente é alvo de um plano para ser assassinado? Sentinela é basicamente isso, bem como, conta até com Jack Bauer em pessoa (Kiefer Sutherland é o protagonista).

Sentinela

É um típico (e bota típico nisso) filme policial, com todos os cacoetes que os fãs do gênero estão cansados de ver.

Mas a película só não degringola por completo por dois motivos:

  • Primeiramente, Michael Douglas (Homem Formiga) constrói um ótimo personagem, cheio de dualidades.
  • Ao mesmo tempo que o ritmo imposto pelo diretor Clark Johnson (SWAT – Comando Especial), não deixa espaço para recuperarmos o fôlego.

Já o time feminino é deslocado. E mesmo com certo esforço, Eva Longoria (Desperates Housewives) e Kim Basinger (Los Angeles – Cidade Proibida), ficam reféns de diálogos pobres.

O jogo de gato e rato que Pete Garrison se mete é pouco palpável, até porque, a patriotada rola solta desde os minutos iniciais. A trilha sonora escolhida? Só atrapalha.

Antes de mais nada, vale ressaltar que ninguém esperava muita coisa desde blockbuster. E os 108 minutos provam que, após os créditos finais, ninguém mais se lembrará deste Sentinela.

NOTA: 5,5
ORÇAMENTO: —

Comente via Facebook

Comentários

LEAVE A REPLY

Your email address will not be published. Required fields are marked ( required )

Críticas

Pipocast

Séries

Entrevistas