You are here:  / Críticas / Resident Evil: O Hóspede Maldito… bom filme baseado em games, sqn

Resident Evil: O Hóspede Maldito… bom filme baseado em games, sqn

Resident Evil: O Hóspede Maldito é uma produção tirada dos games. Portanto, tinha complexas missões:

  • 1- Fundir duas mídias;
  • 2- Agradar tanto fãs quanto espectadores ocasionais.

Se as primeiras imagens divulgadas eram bacanas e deixavam um certo gosto de quero mais, o resultado final passa longe disso.

Resident Evil: O Hóspede Maldito

Sem um décimo do clima de suspense visto nos consoles, Paul W. S. Anderson (Mortal Kombat – O Filme), coloca Milla Jovovich (Resident Evil: A Extinção) dentro de um roteiro que se enrola totalmente. Vale ressaltar a ação genérica e os coadjuvantes sem nenhuma função.

A computação gráfica, principalmente no terceiro ato é terrível. Ou seja, se quer bons sustos, pegue seu joystick, ligue o videogame e se divirta por lá. Já que o máximo que Resident Evil: O Hóspede Maldito consegue é te fazer bocejar.

Sinopse de Resident Evil: O Hóspede Maldito:

Somos apresentados à Umbrella Corporation, empresa subterrânea que cria e testa produtos biológicos secreta e ilegalmente. Um vírus venenoso se espalha pela companhia e o computador central, que comanda todas as funções, decide matar os empregados. Uma equipe de fora comandada por Alice, irá tentar resolver a situação de uma vez por todas.

NOTA: 4,0
ORÇAMENTO: 67 Milhões de Dólares

Comente via Facebook

Comentários

LEAVE A REPLY

Your email address will not be published. Required fields are marked ( required )

Críticas

Pipocast

Séries

Entrevistas