You are here:  / Destaque / Games / PIPOCANDO NOS GAMES: STREET FIGHTER V

PIPOCANDO NOS GAMES: STREET FIGHTER V

Olá seres porradeiros da carnéia brasileira, finalmente começou o ano. E para bater de frente com o atraso nas postagens, resolvemos falar de um game que irá nocautear a concorrência (quantas referências hein!).

Street Fighter V chegou ao mercado virtual dia 15 de fevereiro e a mídia física no dia 18. Mas não podíamos deixar de avaliar este, que será uma revolução ‘old school’ da série. Portanto, calce suas luvas, coloque o protetor bocal e venha lutar nas ruas.

O game, que marcou uma geração, está de volta e veio com vontade de se tornar, novamente, referência neste gênero que, dia após dia, perde popularidade. A Capcom está otimista e nós também, pois a proposta é reunir tudo o que havia de bom e ainda inovar, para trazer novo público à saga, simplificando – mas não emburrecendo – os comandos e exigindo estratégias para vencer as lutas. Com isso, os combates on-line ficam mais disputados e com muitos especiais sendo executados.

Os jogadores ganharão Fight Money’s, para que possam adquirir conteúdo exclusivo, incluindo seis novos personagens. A Capcom montou uma network, onde você pode conferir e montar uma galeria de replays, acompanhar lutas dos adversários, segui-los e desafia-los.

Graficamente, o antigo jogo em 2D, com cenários com pouca movimentação, evoluiu para um espetáculo de cores e luzes aplicados nos lugares certos, como por exemplo, no Radouken de Ryu ou nos detalhes de rugas, que mostram o amadurecimento de cada personagem, no desgaste das luvas ou nos cabelos Viena Hair de Ken.

O jogador será remetido àquele sentimento nostálgico de entrar em uma casa de fliperamas e poder jogar SF2. Fazem exatos 25 anos que vivi isso e tenho que parabenizar a produtora por trazer esta magia outra vez.

Há também novos lutadores, com destaque para a brazuca Laura, uma gata de verde e amarelo com um jiu-jitsu afiado.

Street Fighter é um jogo eterno, o que fez com que este mero moreno que vos escreve, desistisse de The King of Fighter’s e admitir que Street ‘Highlander’ Fighter é absoluto em diversão.

Então é isso minha gente, lembrando que o jogo estará disponível para PC e PS4, tendo interatividade entre as plataformas. Sendo assim, até a próxima.

Um abraço moreno a todos.

Por Alessandro Oliveira

Comente via Facebook

Comentários

LEAVE A REPLY

Your email address will not be published. Required fields are marked ( required )

Críticas

Pipocast

Séries

Entrevistas