You are here:  / Destaque / Especial CP / Premiações / OSCAR HONORÁRIO, O PEDIDO DE DESCULPAS DA ACADEMIA

OSCAR HONORÁRIO, O PEDIDO DE DESCULPAS DA ACADEMIA

Atualmente o Oscar Honorário – que foi criado para ser uma forma de homenagear os profissionais que contribuíram para a Sétima Arte – é o meio que a Academia encontrou para se desculpar por tantas besteiras que fez ao longo dos anos.

Dentre os mais notáveis estão ALFRED HITCHCOCK, que após ter sido indicado por REBECCA – A MULHER INESQUECÍVEL, UM BARCO DE NOVE DESTINOS, QUANDO FALA O CORAÇÃO, JANELA INDISCRETA e PSICOSE, recebeu o troféu tardiamente e CHARLES CHAPLIN, que havia recebido duas indicações (Melhor Ator e Roteirista) por O GRANDE DITADOR e por MONSIEUR VERDOUX (Melhor Roteirista).
Mesmo assim, um ano após a entrega, CHAPLIN voltou e arrebatou outro Oscar, desta vez com LUZES DA RIBALTA, que é de 1952 e chegou aos Estados Unidos apenas em 1973.

Em 1960, foi a vez de BUSTER KEATON receber a honraria e os pedidos de desculpas (nunca explícitos, obviamente) de toda bancada votante – para lembrar os cinéfilos, ele foi o diretor de A GENERAL.
Então passaram-se 14 anos e eis que outro comediante, GROUCHO MARX, faturou o seu Oscar e três anos depois, veio a falecer.

Em 1981 e 1986, homenagearam dois gênios da atuação, HENRY FONDA e PAUL NEWMAN respectivamente. Em 1982, FONDA voltou com tudo – e mesmo com a saúde um tanto frágil – arrebatou o prêmio de Melhor Ator por NUM LAGO DOURADO, assim como fez PAUL NEWMAN em A COR DO DINHEIRO, dirigido por MARTIN SCORSESE, dando uma resposta a altura aos que já viam suas carreiras como encerradas.

O mestre do cinema japonês, AKIRA KUROSAWA foi outro, que mesmo criando obras primas como OS SETE SAMURAIS ou RASHOMON, só conseguiu ser laureado com um Oscar Honorário em 1989, foi assim também no ano de 2005 com SIDNEY LUMET de UM DIA DE CÃO e ANTES QUE O DIABO SAIBA QUE VOCÊ ESTÁ MORTO, em 1995 com o genial MICHELANGELO ANTONIONI de BLOWUP – DEPOIS DAQUELE BEIJO e PETER O’TOOLE (LAWRENCE DA ARÁBIA e VENUS) em 2003.

Além disso, alguns recebem o Oscar tão tarde que acabam tendo pouquíssimo tempo para desfrutarem do prêmio, como foi o caso de ROBERT ALTMAN que faleceu alguns meses depois de receber a homenagem e o ator EDWARD ROBINSON, que nos deixou antes mesmo de receber os louros da Academia.

E para você, qual ator, atriz, diretor e qualquer outro profissional da Sétima Arte já merecia ter faturado a ‘honraria’ e ainda não conseguiu?

Saiba os principais artistas que receberam os Oscares Honorários:

  • Década de 20

1929 – Warner Bros., por produzir ‘O Cantor de Jazz’ (1927), o ilustre filme falado pioneiro, que revolucionou a indústria.”
1929 – Charlie Chaplin, pela versatilidade e genialidade em atuar, escrever, dirigir e produzir ‘O Circo’ (1928).

  • Década de 30

1932 – Walt Disney, por criar o personagem Mickey Mouse
1936 – D. W. Griffith
1937 – W. Howard Greene, Harold Rosson
1938 – Museum of Modern Art Film Library
1939 – Walt Disney

  • Década de 40

1940 – Technicolor Co.
1941 – Bob Hope
1942 – Walt Disney, William E. Garity, J. N. A. Hawkins, RCA Manufacturing Co.
1942 – Leopold Stokowski e seus associados
1943 – MGM
1945 – Bob Hope
1947 – Laurence Olivier

  • Década de 50

1950 – Cecil B. DeMille
1951 – George Murphy
1952 – Gene Kelly
1952 – Rashômon
1953 – Bob Hope
1954 – 20th Century-Fox Film Corp.
1955 – Greta Garbo
1956 – Miyamoto Musashi
1958 – Society of Motion Picture and Television Engineers

  • Década de 60

1960 – Buster Keaton
1961 – Gary Cooper
1966 – Bob Hope
1967 – Y. Frank Freeman
1968 – Arthur Freed

  • Década de 70

1970 – Cary Grant
1971 – Lillian Gish, Orson Welles
1972 – Charlie Chaplin
1975 – Howard Hawks, Jean Renoir
1978 – Margaret Booth

  • Década de 80

1981 – Henry Fonda
1983 – Mickey Rooney
1984 – Hal Roach
1985 – James Stewart
1986 – Paul Newman, Alex North
1989 – Akira Kurosawa

  • Década de 90

1990 – Akira Kurosawa
1991 – Sophia Loren
1993 – Federico Fellini
1995 – Michelangelo Antonioni
1996 – Kirk Douglas
1999 – Elia Kazan

  • Década de 2000

2002 – Sidney Poitier, Robert Redford
2003 – Peter O’Toole
2004 – Blake Edwards
2005 – Sidney Lumet
2006 – Robert Altman
2007 – Ennio Morricone
2008 – Robert F. Boyle
2009 – Jerry Lewis

  • Década de 2010

2010 – Lauren Bacall, Em reconhecimento do seu papel central na Idade de Ouro do cinema.
2010 – Roger Corman, Por sua produção rica de filmes e cineastas.
2010 – Gordon Willis, Por sua mestria inigualável de luz, sombra, cor e movimento.
2011 – Jean-Luc Godard, Para a paixão. Para o confronto. Para um novo tipo de cinema.
2012 – James Earl Jones
2012 – Dick Smith

Charles Chaplin sendo homenageado pela Academia:

Comente via Facebook

Comentários

LEAVE A REPLY

Your email address will not be published. Required fields are marked ( required )

Críticas

Séries

Games

Canal Cinema e Pipoca