You are here:  / Críticas / Destaque / Trailers / Os Vingadores: Guerra Infinita, o melhor filme de super heróis de todos os tempos?

Os Vingadores: Guerra Infinita, o melhor filme de super heróis de todos os tempos?

Neste ano de 2018 o Universo Cinematográfico da Marvel completa 10 anos. No período foram lançados 18 filmes e mais alguns seriados como Luke Cage, O Justiceiro, Os Defensores e outros. Como é sabido por todos, cada um deles se conecta ao outro, tudo isso para chegarmos no ápice, ou seja, neste Os Vingadores: Guerra Infinita. Mas seria este o melhor filme de super heróis de todos os tempos? Seria Thanos o melhor vilão já criado pelas mentes criativas do estúdio? Antes de responder as perguntas, vamos fazer um apanhado geral do blockbuster.

[ESTE TEXTO CONTÉM SPOILERS]

Os irmãos Russo foram suficientemente espertos para irem direto ao ponto, pois o único que precisava de uma apresentação mais detalhada era Thanos, já que os outros personagens em questão, ou tiveram seus filmes solo ou são presença cativa como coadjuvantes. E toda sua demonstração de força, perspicácia e inteligência para conseguir tudo aquilo que deseja é magistral, sem contar cada frase proferida por ele e a captura de movimentos que evidencia cada gesto seu. Josh Brolin foi a escolha perfeita para viver o megalomaníaco.

Os Vingadores: Guerra Infinita é o filme que mais contém drama e cenas impactantes em seu roteiro. Numa delas o vilão elimina toda a população do planeta de Gamora, nas outras, dá um fim em Loki e depois em Visão – isso fará o espectador se segurar na cadeira e não desgrudar de jeito nenhum. Honestamente, não esperava este nível de coragem, onde o espectador fica preocupado e tenso pois, a qualquer momento, um herói pode deixar de existir.

o melhor filme de super heróis de todos os tempos?

Pôster do filme

O único problema destas quase três horas de projeção são as piadinhas. Elas são inseridas muitas vezes em momentos totalmente inoportunos, quebrando a dramaticidade e jogando um balde de água fria em quem assiste. Mas este é um ponto muito pequeno se comparado com a edição inacreditável dos irmãos Russo, além do equilíbrio no tempo de cena de cada personagem e as diversas subtramas moldadas com perfeição (tem coisa acontecendo em Wakanda, juntamente com batalhas no planeta do vilão).

Os Vingadores: Guerra Infinita não chega a ser o melhor filme de super heróis de todos os tempos, um posto ainda mantido por Batman: O Cavaleiro das Trevas e nem é o mais corajoso da própria Marvel, pois Pantera Negra e Guardiões da Galáxia, com certeza, tiveram mais êxitos neste quesito. Mas isso pouco importa na atual circunstância, já que é um blockbuster com B maiúsculo, contendo cenas de ação de tirar o fôlego e ainda deixando uma difícil missão para Os Vingadores 4: manter o nível altíssimo para o desfecho da jornada de Tony Stark, Steve Rogers e seus companheiros que, pelo visto, irão se aposentar.

Assista na maior tela possível, com pipoca, refrigerante e uns amigos nerds por perto, pois este é, sem sombra de dúvidas o filme-evento do ano. Que me desculpem os fãs de Star Wars.

Obs 1.: caso não tenha visto todos os filmes do Universo Marvel, é importante conferir: Capitão América: Guerra Civil, Guardiões da Galáxia Vol. 2, Doutor Estranho e Thor: Ragnarok.

Obs 2.: Uma cena pós crédito, por isso, espere até o fim!

Sinopse de Os Vingadores: Guerra Infinita:

Thanos finalmente chega a Terra e pretende dizimar a população. Os Vingadores devem se unir novamente, agora com adição de novos heróis, para tentar impedir que o vilão encontre as jóias do infinito e, consequentemente, tenha contato com um poder maior do que qualquer outro ser da galáxia.

Título Original:  Avengers: Infinity War
Ano Lançamento: 2018 (Estados Unidos)
Dir: Anthony Russo e Joe Russo
Elenco: Robert Downey Jr., Chris Hemsworth, Mark Ruffalo, Chris Evans, Scarlett Johansson, Benedict Cumberbatch, Don Cheadle, Tom Holland, Chadwick Boseman, Paul Bettany, Elizabeth Olsen, Anthony Mackie, Sebastian Stan, Peter Dinklage, Danai Gurira, Leticia Wright, Dave Bautista, Zoe Saldana, Josh Brolin, Chris Pratt

ORÇAMENTO: 350 milhões de dólares
NOTA: 9,5

Confira também um dos nossos vídeos do Canal Cinema e Pipoca

Comente via Facebook

Comentários

LEAVE A REPLY

Your email address will not be published. Required fields are marked ( required )

Críticas

Séries

Games

Board Games