You are here:  / Games / O que é Death Stranding?

O que é Death Stranding?

Olá seres que vivem em um mundo hostil, desolado e pós apocalíptico fazendo entregas para unir as cidades da América, tudo bem com vocês? Finalmente o dia chegou Death Stranding está entre nós após 3 anos do seu anúncio. E chegou a hora de saber: as loucuras dos trailers fazem sentido? O que é Death Stranding? Porque Norman Reedus está sempre molhado? Essa e mais outras dúvidas serão sanadas a seguir!

Entregar para unir, unir para sobreviver!

Em meados de 2016 fomos surpreendidos com o teaser trailer da mais nova obra de Hideo Kojima, um gênio do mundo dos games famoso pela série Metal Gear Solid. Ali víamos Noman Reedus pelado em frente a uma praia com diversas baleias mortas na areia, segurando um bebê e chorando enquanto via criaturas flutuando no horizonte (para mim, Hideo tinha deixado bem claro ali que sua próxima obra não seria pouca coisa). Os anos se passaram e finalmente no dia 08 de novembro, após anos e muitos mistérios temos em mãos o jogo que já causou e continua causando polêmica após o seu lançamento.

Você deve se lembrar da pergunta “o que é Matrix?”, e do quanto esse filme foi importante para o cinema e vemos aqui a mesma coisa! “O que é Death Stranding?” foi a pergunta que perdurou e finalmente temos as respostas. Lógico elas não serão dadas aos montes aqui, mas você vai entender o plot e porque esse jogo é fenomenal.

No início ouvimos uma narrativa dizendo que houve uma explosão e dela foi gerada a vida, depois houve uma segunda explosão e em seguida uma terceira, que trata-se de um evento chamado Death Stranding, onde muitas pessoas foram parar em praias (um local representativo para a morte) e os E.P’S, criaturas do mundo invertido, por assim dizer, foram libertas e dizimaram quase toda humanidade.

Death Stranding

Imagem de Death Stranding

Sem saber quantos anos se passaram após este evento conhecemos Sam Porter Bridges, personagem de Norman Reedus, que é um entregador nesse mundo pós apocalíptico e o jogo trata de deixar bem claro a sua função nos seus minutos iniciais. Ali, a chuva causa envelhecimento, as criaturas vão querer te matar para que um cataclisma maior ocorra e os separatistas e terroristas tentarão te impedir de completar sua missão… mas que missão seria essa? No leito de morte, seu pai que é o presidente dos Estados Unidos, pede para que Sam reconecte as cidades que sobraram, levando matéria prima e tudo que puder imaginar para a sobrevivência dos humanos… mas não é só isso, sua irmã foi sequestrada enquanto fazia exatamente a mesma coisa e resta agora se reconectar a uma espécie de rede de comunicação, até que consiga resgata-lá e salvar o dia.

Duro de Matar no fim do mundo

A gameplay do jogo é única, dando a possibilidade de balancear suas entregas, se proteger da chuva e não morrer ou perder as cargas. Parece simples correto? Mas não é! Tudo neste mundo quer matá-lo ou é extremamente difícil alcançar devido ao terreno acidentado ou rios profundos ou descidas quase impossíveis de se realizar, e é aí que entra a maestria dos criadores.

O sistema multiplayer oferecido por Kojima faz com que o espírito cooperativo seja maior que tudo e dá possibilidades para criar caminhos com escadas, cordas, pontes e colocar placas sinalizando que aquela área é perigosa, com isso outros jogadores vão interagir com esses itens e, por sua vez, você também irá interagir com os itens deixados por eles.

Poderia ficar por mais tempo falando sobre as magnitudes dessa maravilhosa obra (que dei nota 9,5), mas vou fechar deixando claro que você PREICSA jogar Death Stranding.

Um abraço moreno e vou trazer dicas de gameplay deste e de outros games. Aguardem!

Big Boy Games

Comente via Facebook

Comentários

LEAVE A REPLY

Your email address will not be published. Required fields are marked ( required )

Críticas

Séries

Games

Canal Cinema e Pipoca