You are here:  / Clássicos do Cinema / Críticas / Destaque / O Nascimento de uma Nação e sua ode ao racismo

O Nascimento de uma Nação e sua ode ao racismo

Quem já assistiu O Nascimento de uma Nação deve estar estupefato com minha nota, até porque, a obra de D.W. Griffith é racista e preconceituosa num nível extremo. Mas não podemos deixar de notar sua parte estética (e é apenas por este contexto que merece o 6,0), já que o diretor cria diversas ferramentas e cacoetes utilizados ainda hoje em nosso cinema (montagem entrecortada, flashback, closes e etc).

O interessante é que há uma espécie de ‘desculpa antecipada’, pois Griffith sabia do furor que causaria. Para quem não sabe, o financiamento foi feito pela Klu Klux Klan, ou seja, absolutamente nada seria por acaso no roteiro.

Para o bem ou para o mal, O Nascimento de uma Nação pode ser considerado o primeiro épico do cinema. E se pararmos para pensar em todas as dificuldades para filmar as mais de três horas, ficaríamos impressionados.

Com características de encenação quase teatrais, até porque, a movimentação e um certo exagero ajudariam a levar o dinamismo no cinema mudo, o diretor inverte a história real. Ou seja, todo o tipo de bom senso  vai para os ares, portanto, os negros são vistos como causadores de toda aquela guerra (esses atores, aliás, eram brancos caracterizados de negros).

Você precisa estar preparado para assistir O Nascimento de uma Nação. Pois é cansativo, arrastadíssimo e tendencioso (no pior sentido da palavra). Para todo cinéfilo que se preze, vale uma boa olhada, pois o grau de evolução não seria o mesmo sem este controverso e, muitas vezes, nauseante filme.

Sinopse de O Nascimento de uma Nação:

A amizade de duas famílias é afetada quando a Guerra Civil norte-americana tem início e enquanto os Stoneman unem forças pela União, os Cameron ficam do lado do exército Confederado. Vários acontecimentos ocorrem em paralelo, como o assassinato de Lincoln e o nascimento da KKK e nem todos são mostrados de uma maneira fiel.

Título Original: The Birth of a Nation
Ano Lançamento: 1915 (Estados Unidos)
Dir: D.W. Griffith
Elenco: Alberta Franklin, Allan Sears, Alma Rubens, Bobby Burns, Charles Stevens

ORÇAMENTO: —
NOTA: 6,0

Confira outras críticas de filmes no Cinema e Pipoca

Comente via Facebook

Comentários

LEAVE A REPLY

Your email address will not be published. Required fields are marked ( required )

Críticas

Pipocast

Séries

Entrevistas