You are here:  / Críticas / O Grito é outro projeto tirado dos terrores orientais!

O Grito é outro projeto tirado dos terrores orientais!

Provavelmente você já leu aquela conhecida frase: “Nada se cria, tudo se copia”. Pois bem, algum produtor de Hollywood deve tê-la pronunciado pela primeira vez, já que 90% dos filmes atuais O Gritonão passam de cópias baratas de outros projetos. E bastou O Chamado fazer dinheiro e pronto… os estúdios correram atrás dos direitos de qualquer roteiro que trouxesse garotinhas cabeludas assombrando pessoas indefesas. O Grito foi um deles!

Quem, em sã consciência, convidaria Sarah Michelle Gellar (do seriado Buffy – A Caçadora de Vampiros) para protagonizar um filme do gênero? A atriz é insossa e tira risos da platéia ao invés de causar medo. Absolutamente nada dá certo neste O Grito (que deveria se chamar O Grunhido), já que a direção inexistente de Takashi Shimizu é incapaz de criar ângulos minimamente tensos ou uma trilha sonora razoável.

Do outro lado do televisor o espectador boceja, torcendo para que os créditos finais cheguem logo. Depois dos créditos finais, você tentará se lembrar qual filme assistiu, mas vai ser difícil se lembrar… até O Grito 2 aparecer em alguma sala de cinema por aí.

NOTA: 4,0
ORÇAMENTO: —

Comente via Facebook

Comentários

2 COMMENTS

  • Oiii meu lindoo ja assisti esse ilme achei muito loko!!!TE adoro muitão muitas felicidades p/ vc e sua familia!!!Bjokas

  • brigado, bjos pra vc tmb.. agradeço a atenção e o carinho.

LEAVE A REPLY

Your email address will not be published. Required fields are marked ( required )

Críticas

Séries

Games

Canal Cinema e Pipoca