You are here:  / Críticas / O EXTERMINADOR DO FUTURO – A SALVAÇÃO

O EXTERMINADOR DO FUTURO – A SALVAÇÃO

www.adorocinema.com.brFalar de ‘O Exterminador do Futuro – A Salvação’ sem citar o nome de James Cameron seria uma heresia tremenda, pois todas suas psicodelias, imaginações futuristas e muita coisa deste novo roteiro (escrito por John D. Brancato e Michael Ferris, com uma “mãozinha” de Jonathan Nolan) foram expandidas ou criadas por ele nos dois primeiros episódios. A trama se encaixa relativamente bem nas anteriores e a visão pessimista continua lá, porém McG (‘As Panteras – Detonando’) é um diretor fraco e não se desvencilha dos cacoetes do cinemão norte-americano.

Se dependesse única e exclusivamente dele, o blockbuster seria uma bomba sem precedentes, mas Christian Bale (‘Batman – O Cavaleiro das Trevas’) e Sam Worthington (‘Avatar’) travam uma batalha interessante, diluindo certos exageros do diretor. Outro ponto positivo vai para os efeitos especiais, tratado de maneira fantástica pela equipe técnica, tendo poucas falhas perceptíveis.

O ano é 2018, a Terra foi devastada pela Skynet e seus robôs destruidores, mas ainda há homens e mulheres lutando para reconquistar o espaço que um dia foi nosso. John Connor também está nessa guerra e é considerado por muitos como o Messias e, juntamente com a resistência, tenta aniquilar o ponto central dos exterminadores.

A participação especial de Arnold Schwarzenegger (digitalmente criado) e a presença da beldade Moon Bloodgood (‘Street Fighter – A Lenda de Chun Li’), só fazem a sessão ficar melhor e acabamos nos esquecendo do quão ruim McG é. O desfecho clichezão, maltrata nossos tímpanos com tantos diálogos imprestáveis, mas nessa altura, todo o espectador já deverá estar anestesiado pela ação ininterrupta e nem prestará atenção nesse pequeno detalhe.

NOTA: 6,5
ORÇAMENTO: 200 Milhões de Dólares

Comente via Facebook

Comentários

6 COMMENTS

  • Nossa, já não bastava o natural agora tbm tem o Arnold digital?! rsrsrsrsrss
    O Christian Bale é foda, ele tá ótimo naquele filme de 2000, O Psicopata Americano. O cara é show, além de lindo! 😛

    Abs
    http://damasdevermelho.blogspot.com/

  • McG é produtor de Supernatural, já purifica todos os erros que ele possa cometer na década!
    Olha que eu gostei do filme! com clichê e tudo. Na hora em que aparece o robô gigante eu dei um grito (Thank God for a noise movie), só não queria que o bandido/robô/heroi tivesse que morrer no final.

  • Fala Éder. depois dessa aumentou a minha vontade de ver esse filme… bacana teu jeito de escrever…

    abs

    se puder me visita la

    apenas-daniel.blogspot.com

  • Cara, to louco pra ver esse filme! Mas acho que ele só chega aqui na minha cidade em julho ou agosto, enquanto isso, vê se dá uma passada lá no cinepostmaxi.blogspot.com e olha a minha pequena crítica do Wolverine.

  • Cara, to louco pra ver esse filme! Mas acho que ele só chega aqui na minha cidade em julho ou agosto, enquanto isso, vê se dá uma passada lá no cinepostmaxi.blogspot.com e olha a minha pequena crítica do Wolverine.

  • Eu vi esse filme achei médio

    Tem cenas boas

LEAVE A REPLY

Your email address will not be published. Required fields are marked ( required )

Críticas

Pipocast

Séries

Entrevistas