You are here:  / Críticas / Destaque / Trailers / O Culto de Chucky, chega de brinquedo assassino

O Culto de Chucky, chega de brinquedo assassino

Desde a primeira aparição de Chucky em Brinquedo Assassino até O Culto de Chucky, lançado diretamente para streaming e vídeo locadoras (elas ainda existem?), lá se vão 29 anos e 7 filmes da franquia. Neste tempo o cinema se modificou, o terror se modificou e Don Mancini, criador do personagem, também deu uma boa mudada, como podemos ver neste novo capítulo da saga.

O espectador percebe a boa vontade dos idealizadores, principalmente em tentar lincar algumas arestas soltas, trazendo de volta o primeiro sobrevivente da saga, ou seja, Andy, que nunca se esqueceu completamente daquele período pelo qual quase foi morto pelo vilão, além do retorno de Nica, a protagonista de A Maldição de Chucky. Falando em boa vontade, há uma inserção de cenas que dialogam sobre maus tratos médicos e o preconceito com doentes mentais, mas é tudo muito superficial.

Entendo perfeitamente as características de humor negro traçadas nestes filmes e não poderia ser diferente em O Culto de Chucky. Mas faltam piadas interessantes, mortes inventivas e uma interação melhor entre o elenco (todos parecem desejar que as gravações acabem o quanto antes). Para pior tudo, Chucky agora consegue se reproduzir como um Gremlin.

O Culto de Chucky

Pôster do filme

Com as mesmas tomadas desde a década de 80 e personagens irritantemente estúpidos (vários bonecos começam a chegar no hospício e uma cadeirante volta a andar sem explicação, e todo mundo acha normal!),  é apenas questão de tempo para que esta continuação, assim como todas as outras, caia no esquecimento.

A horrorosa cena final dá indícios de novos filmes para um futuro breve e aí me vem a pergunta: e agora, o boneco vai assassinar pessoas no espaço? Pois só assim para saírem da mesmice e dar aos fãs algo realmente inusitado. Perca de tempo e uma das piores coisas do ano.

Sinopse de O Culto de Chucky:

Nica Pierce cumpre pena em um hospital psiquiátrico, pois foi acusada pelos crimes que o boneco Chucky cometeu. Agora, o assassino dará um jeito de terminar o que começou, colocando a vida da moça em perigo novamente. O único que pode ajudá-la é Andy Barclay, o primeiro a enfrentar o boneco. Quando Tiffany, a noiva do vilão, retorna para ajudar o amado, Nica e Andy precisarão fazer de tudo para salvarem suas vidas.

Título Original: Cult of Chucky
Ano Lançamento: 2016 (Estados Unidos)
Dir: Don Mancini
Elenco: Brad Dourif, Fiona Dourif, Alex Vincent, Jennifer Tilly, Summer H. Howell, Grace Lynn Kung

ORÇAMENTO: 3 Milhões de Dólares
NOTA: 3,0

Confira também um dos nossos vídeos do Canal Cinema e Pipoca

Comente via Facebook

Comentários

LEAVE A REPLY

Your email address will not be published. Required fields are marked ( required )

Críticas

Séries

Games

Board Games