You are here:  / Críticas / Trailers / Nasce uma Estrela, com Bradley Cooper e Lady Gaga

Nasce uma Estrela, com Bradley Cooper e Lady Gaga

Esta é a quarta vez que Nasce uma Estrela ganha os cinemas. A primeira versão estreou em 1937, com Janet Gaynor e Fredric March, depois voltou em 1954 com Judy Garland e James Mason e em 1976 com Barbra Streisand e Kris Kristofferson. Agora, Bradley Cooper (de Se Beber, Não Case!) não só atua como também dirige seu primeiro longa e encontra em Lady Gaga a atriz ideal para viver uma protagonista cheia de angústias, dúvidas e talento.

Se por um lado existe Ally, como uma espécie de material bruto a ser lapidado (e a história dela se confunde com a de Gaga), por outro temos um cantor em curva descendente e com um passado tenebroso. A câmera na mão de Cooper só faz com que o espectador crie mais intimidade com estas ambientações, como quando o foco sai do rosto de Jackson e se vira para a plateia, num de seus shows – é arrebatador.

Chegando no segundo ato tudo se torna arrastado, ainda mais quando Ally vai para o mundo da música pop e parece jamais escolher o rumo de sua carreira por si mesma. E são nestes momentos que a montagem de duas horas e dezesseis minutos poderia ser alterada e diminuída consideravelmente.

Nasce uma Estrela

Pôster do filme

Mesmo com pequenos deslizes, não há como negar que o diretor se cercou de um excelente elenco, com destaque para Sam Elliott e Dave Chappelle e foi espertíssimo ao nos apresentar a Lady Gaga “pessoa comum” e sem toda a maquiagem com a qual estamos acostumados. Logo após sair da sessão de Nasce uma Estrela, meu irmão comentou comigo o seguinte: “o filme é bom, mas acho que se tirasse a música, ele não se sustentaria”… concordo com isso, mas também acho que sem as músicas, perderíamos a oportunidade de conferir o potencial incrível desta dupla!

Sinopse de Nasce uma Estrela

Jackson Maine é um famoso músico que esta em curva descendente por conta de seus problemas com bebida e drogas. Numa noite, descobre Ally, uma garota que canta nas noites e que está quase desistindo desta carreira. Jack a convence a mudar de ideia e ainda se apaixona por ela. Mas até quando o amor será maior que os vícios?

Título Original: A Star Is Born
Ano Lançamento: 2018 (Estados Unidos)

Dir: Bradley Cooper
Elenco: Bradley Cooper, Lady Gaga, Andrew Dice Clay, Dave Chappelle, Sam Elliott

ORÇAMENTO: 36 Milhões de Dólares
NOTA: 7,5

Confira também um dos nossos vídeos do Canal Cinema e Pipoca

Comente via Facebook

Comentários

LEAVE A REPLY

Your email address will not be published. Required fields are marked ( required )

Críticas

Séries

Games

Canal Cinema e Pipoca