You are here:  / Críticas / Premiações / Trailers / Klaus, animação da Netflix que concorre ao Oscar

Klaus, animação da Netflix que concorre ao Oscar

Existem determinadas obras que nos reconectam a um passado lotado de boas lembranças e Klaus, animação da Netflix que concorre ao Oscar na categoria Melhor Animação, me trouxe este tipo de sentimento. Não há como esquecer de todo o cuidado que eu e meu irmão tínhamos ao colocarmos água e bolachas para as renas e nossa alegria ao notarmos, na manhã seguinte, que o Papai Noel havia passado por lá e deixado presentes!

E o diretor Sergio Pablos, que anteriormente, havia roteirizado o divertido Meu Malvado Favorito, sobe de patamar pois trás uma obra que além das boas sacadas cômicas, têm alma, carisma e uma computação gráfica de encher os olhos, mesclando 2D e 3D. E não se engane, pois o tal “bom velhinho” é recluso da sociedade (aliás, uma sociedade autoritária, onde a educação é pouco presente e as batalhas entre famílias rivais são constantes) e conta com um passado tristíssimo. Já Jesper, o carteiro filhinho de papai, tem papel fundamental para unir estes povos, mesmo que demore para perceber isso.

Pablos e sua equipe de roteiristas, composta por Jim Mahoney e Zach Lewis, constroem a evolução desta lenda e respondem perguntas como: como o Papai Noel consegue entrar nas chaminés de todas as casas? Suas renas voam? Como ele tem tempo para fazer os brinquedos de todas as crianças? E são nestes pequenos detalhes que o espectador vai se envolvendo e entrando ainda mais naquele universo mágico.

Klaus, animação da Netflix

Pôster do filme

Interessante notar que os clichês estarão sempre por perto, mas basta os diretores compreenderem a forma correta para utilizá-los a seu favor. Apesar de Toy Story 4 e Como Treinar o seu Dragão 3 serem baita filmaços, meu coração está na torcida para Klaus, animação da Netflix que alegrará crianças, jovens e adultos… e com certeza no Natal de 2020, irei rever a obra e acalentar novamente meu coração!

Sinopse de Klaus

Enviado para trabalhar numa ilha remotíssima chamada Smeerensburg, o jovem Jesper, estudante da Academia Postal, enfrenta problemas quando nota que os habitantes do local brigam o tempo todo e não se interessam por enviarem cartas. Mas encontrará na professora Alva e no carpinteiro Klaus um bom motivo para mudar todo aquele ambiente.

Título Original: Klaus
Ano Lançamento: 2019 (Reino Unido/Espanha)

Dir: Sérgio Pablos
Vozes: Jason Schwartzman, J.K. Simmons, Rashida Jones, Will Sasso, Neda Margrethe Labba, Norm MacDonald

ORÇAMENTO: 40 Milhões de Dólares
NOTA: 9,0

Confira também um dos nossos vídeos do Canal Cinema e Pipoca

Comente via Facebook

Comentários

LEAVE A REPLY

Your email address will not be published. Required fields are marked ( required )

Críticas

Séries

Games

Canal Cinema e Pipoca