You are here:  / Críticas / Premiações / Trailers / Hair Love, animação que concorre ao Oscar 2020

Hair Love, animação que concorre ao Oscar 2020

E se nas edições de 2015 e 2016 a Academia sofreu diversas críticas por indicarem apenas atores e atrizes brancos – é verdade que neste ano apenas Cynthia Erivo (por Harriet) foi indicada – Hair Love, animação que concorre ao Oscar 2020 na categoria curta animado, trata a questão racial e as tais diferenças de maneira sutil e emocionante.

O traço em 2D é maravilhoso e o roteiro, que lida com as descobertas de um pai que precisa pentear os cabelos crespos de sua filha, sempre de maneira desajeitada e utilizando um tutorial na internet como guia, aquece o coração do espectador e, acima de tudo, o faz praticamente sem diálogos. 

Com apenas 7 minutos de duração, o projeto é um grito de amor, igualdade e respeito, coisa que os próprios votantes da Academia raramente têm. O desconhecido, mas talentoso Matthew A. Cherry dirige e Issa Rae, criadora do seriado Insecure dubla a mãe, única personagem com falas no filme.

Hair Love, animação que concorre ao Oscar 2020

Pôster do filme

Por fim, seria interessante que Hair Love, animação que concorre ao Oscar 2020, abrisse os olhos dos votantes para este tipo de debate que já havia acontecido antes, mas que parece ter sido esquecido ou ignorado. Já estou na torcida pelo curta, pois tem potencial, é belíssimo e coloca o espectador para refletir algo que deveria estar implícito numa sociedade racional e evoluída.

Sinopse de Hair Love:

Curta-metragem de animação que fala sobre um pai afro-americano que tenta fazer o cabelo de sua filha pela primeira vez.

Título Original: Hair Love
Ano Lançamento: 2019 (Estados Unidos)
Dir: Matthew A. Cherry
Vozes: Issae Rae

ORÇAMENTO: —
NOTA: 9,0

Confira também um dos nossos vídeos do Canal Cinema e Pipoca

Comente via Facebook

Comentários

LEAVE A REPLY

Your email address will not be published. Required fields are marked ( required )

Críticas

Séries

Games

Canal Cinema e Pipoca