You are here:  / Games / Games | Destiny 2: A paciência leva a perfeição

Games | Destiny 2: A paciência leva a perfeição

Olá seres que tiveram seu planeta invadido por forças alienígenas e foram obrigados a se juntar a rebeldes para recuperar o Guardião e voltar a ter um lar da internet, tudo bem com vocês? Há um motivo muito válido para minha ausência nestas semanas que se passaram. Motivo número 1: Destiny 2. Motivo número 2: Destiny 2.

Hoje lhes trago um dos maiores games desse ano e, sem dúvida, o mais esperado por uma legião de fãs. Sem delongas vamos falar de Destiny 2 (que surpresa hein!?).

CONHECENDO TUDO, NÃO ENTENDENDO NADA, MAS AMANDO MUITO

Minha história com a franquia nunca foi a de amor (como a da maioria dos fãs). Tanto que trago essa crítica/análise não como uma análise evolutiva do primeiro jogo, afinal de contas, não tive a experiência de descobrir a vastidão do mundo de Destiny em sua primeira aparição no mundo dos games.

A distribuidora Bungie, juntamente a Activision, anunciaram o lançamento de Destiny 2 e desde então uma porção de amigos tentaram me evangelizar para que eu entrasse de cabeça na aventura, e adivinhem? Não aconteceu. O game não me surtiu nenhuma empolgação, até seu lançamento.

Ao ver as gameplays, me senti no mundo de Star Wars, ou seja, estava em uma guerra por sobrevivência e liberdade, afinal no começo do jogo o planeta do seu personagem (que é 100% customizável) é invadido e tem seu Guardião, uma espécie de ser esférico nos moldes de Galactus, roubado.

destiny 2

Cena de Destiny 2

Durante esse ataque, você é jogado de cara em um tiroteio intenso, com uma trilha sonora cinematográfica e uma jogabilidade fluida e intuitiva – tudo é novo, mas muito pessoal e familiar.

O jogo tem diversos planetas a serem explorados, cada qual com sua atmosfera e inimigos próprios. Por ser 100% online, você tem a opção de terminar a campanha em modo Solo ou Co-Op e nada melhor do que curtir com os amigos as descobertas dos cenários. Cada uma mais bonita e significante do que a outra.

Os gráficos modelados para PlayStation Pro surpreendem no Slim, toda a atenção e detalhes dados aos cenários, com já citamos, às armas, aos combates e a história são magníficos. Embora ainda esteja fora do Lore e tenha muito ainda pra conhecer desse universo da Bungie, garanto que vale cada centavo de seu investimento. Um jogo imersivo, desafiador e intrigante.

Portanto se ainda não pegou o seu, corra e garanta essa enorme produção gamística. Um abraço moreno e até semana que vem se o Destiny deixar.

Confira mais em nossa coluna de games!

Comente via Facebook

Comentários

LEAVE A REPLY

Your email address will not be published. Required fields are marked ( required )

Críticas

Séries

Games

Board Games