You are here:  / Críticas / Fúria de Titãs: a batalha para não pegar no sono!

Fúria de Titãs: a batalha para não pegar no sono!

Temos que dar os parabéns aos profissionais que cuidam da carreira de Sam Worthington. Eles o colocaram em três super produções em pouco mais de um ano. Primeiramente tivemos O Exterminador do Futuro – A Salvação dirigido por McG e dividindo a cena com Christian Bale. Logo depois veio Avatar, ficção científica com cunho ecológico de James Cameron e, enfim, Fúria de Titãs.

Provavelmente, toda aquela maquiagem vista nas duas obras anteriores tenham escondido o quanto o ator é ruim. Por isso, nesta refilmagem (onde ele usa, basicamente, sandálias, saia e espada), minha vontade foi de gritar bem alto no ouvido dele: ‘Volte para Pandora!’.

Mas Louis Leterrier (O Incrível Hulk) também é um profissional limitado e tinha em mãos um roteiro abarrotado de furos e sequências de ação absurdas. Os diálogos entre Zeus e Hades seriam pecados mortais se tais deuses estivessem mesmo no Olimpo.

Os ângulos fechados, com Perseu sobre o pôr do sol, não valem de nada. Assim como as batalhas, que não servem nem de alento por aqui. Tudo porque são tão medíocres e mal coreografadas que ao pensarmos em Gladiador, por exemplo, é certo que levante e queira seu dinheiro de volta.Fúria de Titãs

Apesar destes empecilhos – e da péssima conversão em 3D –, Fúria de Titãs fez 61 milhões na semana de estreia nos Estados Unidos. Todavia, se tem um carinho especial pelo clássico de 1981, dificilmente este terá o mesmo efeito e logo será outro título a empoeirar nas prateleiras.

Sinopse de Fúria de Titãs

Ao testemunhar a morte dos seus pais adotivos pelas mãos de Hades, Perseu jura vingança. Liderando um grupo de guerreiros numa perigosa jornada a lugares desconhecidos, ele descobre ser um semi-deus (filho de Zeus com uma mortal). No decorrer da caminhada, enfrentará Medusa, o gigantesco Kraken e outros seres mortais.

Onde assistir Fúria de Titãs:

Onde assistir Fúria de Titãs? No iTunes, na TNT Go e no Google Play Movies!

Título Original: Clash of the Titans
Ano Lançamento:
2010 (EUA / Reino Unido)
Dir.:
Louis Leterrier

Elenco:
Sam Worthington, Ralph Fiennes, Liam Neeson, Gemma Arterton, Danny Huston, Izabella Miko, Jason Flemyng, Mads Mikkelsen

ORÇAMENTO: 125 Milhões de Dólares
NOTA: 3,5

Comente via Facebook

Comentários

16 COMMENTS

  • Foi o que eu imaginei. Adoro o filme dos anos 80, mas pelo que aindei lendo em comentários (não vi o filme ainda), essa refilmagem deixou a desejar. apesar de tudo, ainda quero matar minha curiosidade.

  • Olá,

    o filme Olhos Azuis de José Joffily estréia nesta sexta, 28/05, e como você observou terá forte concorrência.

    Escrevi uma crítica sobre ele no meu blog (http://christianjafas.wordpress.com/) e recomendo o filme para o fim de semana.

    Um abraço,

    Christian Jafas

  • -qqqq
    realmente é uma CRITICA, só vejo chingamentos, primeiro q vc naum seria capaz de produzir 5 miunutos desse filme para melhora-lo. segundo se vc soubesse oq esta falando vc estaria fazendo sucesso e naum eles. terceiro seu ponto de vista sobre as coisas são ridiculas. quarto, pra mim vc só quis deixar o texto maior colocando o "escorpiões como montaria" por plz, naum vi nada de errado naquilo, achei até meio funny. Quinto se vc acha o ator tão ruim, vai faze melhor que ele, AH SORRY é ele q ta ganhando milhões e naum vc. KKKK'.
    Amgio faça uma critica descente da proxima vez.

  • Ué o da década de 80 não era um trash , esse também ficou trash.
    Acho que esse filme sera cultuado como o primeiro trash em 3D!

    Mission acomplished

  • enfrentará Afrodite, o gigantesco Kraken e outros seres mortais.

    afrodite? parei de ler aqui

    que eu saiba era a medusa não?

  • Que exagero.. gostei do filme… foi bastante divertido.. tudo isso é mera ficção, não tem muito o que exigir… é um filme divertido que nos tira o estresse do dia-a-dia.. é sentar, assistir e se divertir sem tem que pensar muito! Um dos poucos filmes em que meu marido e eu gostamos.

  • Concordo com voce nao foi la as melhores coisas mais oque mais me dexou triste foi a morte do karaken
    mano eli eh um titan demoro 10 min pra sai da agua elis podia da pelo menos uma chance pro kraken mais naoo eli vao e matam o kraken em 10 segs T.T
    sem luta sem misericordia MILICO MaldiTO
    concordo com oque voce falo

  • Afrodite? Acho que era a Medusa.

  • Juno… realmente é Medusa!
    Já estou arrumando o texto… valeu por nos ajudar!

  • é… eu assisti e achei fraquinho… achei a historia e as motivaçoes meio sem vontade… a interpretação da andromeda foi muito ruim mano… achei fraquinho mesmo

  • Primeiramente, a todos que viram e comentaram sobre a 'troca' que fiz de Medusa para Afrodite… mil desculpas, o texto já está correto!

    Outra resposta!
    Continuo com minha tese de que, quem faz uma critica negativa, só por prazer, tem medo de colocar o próprio nome, para debatermos a questão que é levantada…

    Ao 1º 'Anonimo' respondo:
    Sucesso, não é questão de qualidade… veja você que bandas como Restart, ou dublês de cantoras como Tati Quebra Barraco fazem sucesso…
    E, se você se sente ofendido quando digo que SAM WORTHINGTON é um péssimo ator, desculpe… realmente ele é muito melhor que MARLON BRANDO, AL PACINO, HEATH LEDGER, CHRISTIAN BALE…

    E amigo… faça uma crítica mais decente da próxima vez!

  • Primeiramente , tiro meu chapéu para o nível critico que o "Eder" evoluiu .
    sempre colocando na balança ,suas criticas justas e perfeitas com um leve toque de humor e sem contradições, levando a um dos melhores blogs de critica ao cinema que eu conheço.
    Questão aos comentários Anônimos :
    o seu nível de pensamento, não esta coincidindo com o nível da Critica apresentada amigão, suas palavras tão infantis tanto quanto sem noção, me fez lembrar que qualquer ignorante pode comentar em um site.
    e pra melhorar, você ainda comenta como "Anônimo" provando seu prazer por uma critica negativa sem sentido.
    Vamos melhorar esse nível , e se for comentar novamente que não seja anônimo.
    Parabéns mais uma Vez ao "Cinemepipoca"
    Atenciosamente . Raphael Rezende

  • Ahhhhh…
    Sua crítica foi meio "afobada"…
    Você quiz escrever tanto e acabou sendo meio anacrônico…
    Prmeiro que a interpretação do SAM foi muito boa, assim como nos demais filmes dele…
    Segundo, a produção do filme nos efeitos visuais, cenas de ação, figurino e cenários foi excelente, o 3d foi fraco mas pra mim isso pouco interessa. Além de que tiveram uma fidelidade incrível.
    E você comparou este filme a outros dois épicos, "Gladiador" e "300". Que pra mim merecem títulos de filmes de ação, e só. Porque Gladiador não tem patavina nenhuma haver com a história de Roma e com os costumes daquele povo, e 300 é divertido e tal, mas é totalmente focado na história em quadrinhos e não tem nada haver com a história real. Já fúria de titãs é totalmente diferente, ele tem um roteiro de contos míticos pra seguir [desculpa se mataram o Kraken rápido, mas era essa a intenção] e ele cumpre bem esse papel, lógico que viajando um pouco na ação hollywoodiana, mas ainda assim se mantém focado na história. E realmente a representação que se tem dos deuses no olimpo era aproximadamente do que o diretor colocou, sem mais nem menos…

  • Sem erro Kuringa…
    Otimo que você gostou do filme… a única coisa a se dizer tambem é que Kraken não tem nada haver com a mitologia grega, portanto, assim como Gladiador tem seus momentos "enganadores" e também 300.

    E para mim, Zeus e Hades teriam muito mais a mostrar…
    Mas, ao menos você saiu da sessão feliz! Isso é bom!

  • não gostei também não.
    acho que os personagens poderiam ser melhor explorados.

    que bom que eu gosto de observar os efeitos especiais, que cada dia estão melhores.

    oo jake sully la também é bem fraquinho como ator.

    bem, não sou o melhor crítico de cinema, mas a opinião é válida já que na arte é feita para o público, sem o público não seria arte.

    um abraço

LEAVE A REPLY

Your email address will not be published. Required fields are marked ( required )

Críticas

Pipocast

Séries

Entrevistas