You are here:  / Críticas / EU SOU A LENDA

EU SOU A LENDA

www.adorocinema.com.brO diretor Francis Lawrence (‘Constantine’) coloca toda e qualquer responsabilidade de ‘Eu Sou a Lenda’ nos ombros do astro Will Smith (‘Eu, Robô’) e o ator mostra porque é um dos mais talentosos de Hollywood. Tanto que o segundo personagem aparece só depois de setenta minutos e é a brazuca Alice Braga (‘Cidade Baixa’). Ela, por sinal, está deslocada e tem uma interpretação aquém das expectativas.

A visão soturna de uma Nova York completamente devastada e deserta realmente incomoda e este clima flui bem até encontrarmos tais monstros. A ação oscila absurdamente, os diálogos são apenas pretexto para Smith desfilar seu valor (o protagonista divide todo o primeiro ato apenas com um cachorro).

A vulnerabilidade na direção diminui o entusiasmo, há uma trilha sonora morna e o espectador sai do cinema indiferente. Não que eu esperasse uma obra prima, mas ao menos algo caprichado em seu todo, sem as amarras do gênero (do segundo ato em diante há uma preguiça gigantesca no roteiro).

Se qualquer outro ator filmasse esta ficção, teríamos um filme sonolento e entediante, mas por conta de Smith a frustração diminui consideravelmente.

NOTA: 7,0
ORÇAMENTO: —

Comente via Facebook

Comentários

LEAVE A REPLY

Your email address will not be published. Required fields are marked ( required )

Críticas

Séries

Games

Canal Cinema e Pipoca