You are here:  / Destaque / Especial CP / Esquadrão Suicida: o que deu errado atrás das câmeras

Esquadrão Suicida: o que deu errado atrás das câmeras

Esquadrão Suicida teve um marketing inacreditável, com seus trailers insanos e a expectativa de público e crítica lá no alto. A DC precisava recuperar os pontos perdidos em Batman vs. Superman (que eu, particularmente, gostei), mas ao que tudo indica e por conta das críticas e da nota no Rotten Tomatoes (aliás, muitos fãs pediram o fechamento do site por conta da nota, o que é um absurdo sem tamanho), parece que a empresa ficará um pouco mais longe das produções da Marvel Studios.

O ROTEIRO

Escrito em seis semanas pelo diretor, a Warner aprovou rapidamente, marcou a data de estreia sem que o elenco fosse apresentado. No meio do caminho, o estúdio resolveu mudar o tom, por conta do fracasso de Batman vs. Superman e o sucesso de Guardiões da Galáxia e Deadpool.

O TOM DO FILME

Se num primeiro momento, ‘Esquadrão Suicida’ seria mais sombrio e com poucas piadas. Com isso, a Warner pediu para a empresa Trailer Park que editasse os próximos com um tom mais divertido.

TESTES E FILMAGEM EXTRA DE ESQUADRÃO SUICIDA

As versões do filme dividiu o público que assistiu, com isso, gráficos coloridos foram inseridos no primeiro ato para introduzir os personagens e deixar o corte final mais divertido. Por conta disso, o estúdio chamou o elenco para que filmagens extras fossem feitas.

O NOVO FILME DE AYER E WILL SMITH

Por conta dos atrasos e do medo em complicar ainda mais a vida da DC nos cinemas, diversas decisões equivocadas foram tomadas, com isso, um novo projeto que contaria com David Ayer na direção e Will Smith como protagonista foi cancelado na Warner. A Netflix saiu ganhando e fechou um acordo milionário para ter este novo filme.

ABAFA O CASO 

Para minimizar a situação de mal estar, o presidente de produção da Warner, Greg Silverman, fez uma nota com os seguintes dizeres: “Esta foi uma experiência incrível. Nós fizemos um monte de experimentação e colaboração ao longo do caminho. Mas nós dois somos muito orgulhosos do resultado. Este… é um filme de David Ayer, e Warner tem o orgulho de apresentá-lo”.

Mas e você, acha que esses problemas, influenciaram negativamente o filme?

Fontes: The Hollywood Reporter / Pipoca Moderna

Comente via Facebook

Comentários

LEAVE A REPLY

Your email address will not be published. Required fields are marked ( required )

Críticas

Pipocast

Séries

Entrevistas