You are here:  / Críticas / Premiações / CAPITÃO PHILLIPS

CAPITÃO PHILLIPS

Quando falamos em piratas, o que vêm em sua mente? Homens com tapa-olho e dentes de ouro, um papagaio no ombro, uma garrafa de rum e uma espada? Esta visão criada pela literatura e firmada pelo cinema entrou fortemente na cultura pop, mas Paul Greengrass (A Supremacia Bourne) está se lixando para tudo isso e mostra, de maneira crua quem são os verdadeiros piratas do novo século.

Sua câmera semi-documental tira a melhor atuação de Tom Hanks em anos – o que ele fez de excepcional, desde sua última indicação ao Globo de Ouro, por ‘Jogos do Poder’? – e de quebra nos apresenta o franzino e novato Barkhad Abdi.

Como efeito de causa e conseqüência, há o abismo econômico e social entre países como Estados Unidos e a Mongólia e seus cidadãos – um tenta trabalhar honestamente para alimentar a família e o outro, sem chances de algo melhor, ‘trabalha’ clandestinamente, muitas vezes, pelos mesmos motivos. O mais interessante é que o diretor não pende para nenhum dos lados, criando uma visão equilibrada – se é assim que podemos dizer – da situação.

Phillips aceita a missão de comandar sua embarcação até a Somália, para que possam entregar alimentos naquela região. Não demora muito para que piratas ataquem o barco e façam a tripulação refém. Mesmo abalados psicologicamente, os americanos conseguem fazer com que os seqüestradores saiam, porém eles levam o capitão com eles e uma difícil missão de resgate começa.

O suspense é crescente, ainda mais quando encontramos ângulos de tirar o fôlego em locações pequeníssimas. Em determinadas categorias, os votantes foram felizes em eleger ‘Capitão Phillips’, mas esqueceram de nomear Greengrass como indicado na categoria Melhor Diretor, já que tem uma identidade visual muito mais ousada e pontual do que David O. Russell, por exemplo.

Título Original: Captain Phillips
Ano Lançamento: 2013 (Estados Unidos)
Dir: Paul Greengrass
Elenco: Tom Hanks, Catherine Keener, Max Martini, Michael Chernus, Chris Mulkey, Corey Johnson, Barkhad Abdi

ORÇAMENTO: 55 Milhões Dólares
NOTA: 9,0

Comente via Facebook

Comentários

LEAVE A REPLY

Your email address will not be published. Required fields are marked ( required )

Críticas

Pipocast

Séries

Entrevistas