You are here:  / Críticas / Camisa de Força é estranho, confuso e excelente!

Camisa de Força é estranho, confuso e excelente!

“A primeira vez que morri tinha 27 anos”. Com esta frase um tanto estranha, Camisa de Força começa. A cada ato do protagonista e dos outros personagens, o espectador entende menos ainda o que está se passando.

Camisa de Força

O diretor John Maybury (Amor Extremo) cria um clima de tensão e desespero e Adrien Brody (O Pianista), com todo seu talento, acentua ainda mais isso.

A ideia do roteiro não é nada plausível, mas nos pega desprevenidos e nos leva por um caminho, no mínimo, curioso e inesperado. A claustrofobia chega a níveis extremos. Bem como as interpretações de todos, sem exceção, pontuam toda insanidade destes 103 minutos.

É a típica obra que ou você ama ou odeia. Mas, ao aceitar as regras deste universo e todas as suas peculiaridades, terá um drama envolvente, que flerta com a ficção científica e tem pitadas de romance. Vale dar uma chance.

Sinopse de Camisa de Força:

Jack é um veterano da Guerra do Golfo que foi acusado de assassinato. Com isso, é submetido a um tratamento psiquiátrico um tanto estranho. Depois de alguns dias, acredita ser um viajante do tempo e vai atrás de uma garota que pode ser a mulher destinada a amá-lo.

NOTA: 8,5
ORÇAMENTO: 19 Milhões de Dólares

Comente via Facebook

Comentários

2 COMMENTS

  • Oi, td bem? tava procurando um blog com gifs de filmes, ai eu axei o seu, e vi o que vc escreveu sobre esse filme, Camisa de for$a , e eu adoro esse ator, o Adrian Brody, eu amei a atua$ao dele em O Pianista ai, depois que ue assisti esse filme, eu virei a fan numero um dele no brasil… Adorei seu blog, e concordo com vc, preferem colocar filmes banais como os da xuxa, ao inves de filmes com conteudo e inteligentes… eh isso, bye!~*

  • Interessantíssimo esse roteiro, que durante o filme passa de um terror agonizante para uma ficção empolgante e inesperada. Muito bom mesmo, realmente é isso que tem faltado últimamente para a criação de grandes títulos dos cinemas, essa capacidade de envolver o telespectador do início ao fim, surpreendendo a cada cena. Eu ainda não assisti, mas ja ouvi falar muito bem sobre ele, famosa propaganda “boca a boca”.
    O blog está muito bom, cara, você está de parabéns, fiquei um tempo sem acessar, e hoje quanto entrei, fiquei um tempão lendo as críticas. Quanta novidade! Continua assim garoto que você vai longe.

LEAVE A REPLY

Your email address will not be published. Required fields are marked ( required )

Críticas

Séries

Games

Canal Cinema e Pipoca