You are here:  / Destaque / Filmografia / BRAD BIRD – VIDA E OBRA

BRAD BIRD – VIDA E OBRA

Brad Bird é um dos homens mais criativos de toda a Hollywood e começou sua carreira muito bem, obrigado. Aos 11 anos criou seu primeiro desenho animado e dois anos depois, foi chamado para estagiar na Disney, sob a batuta de Milt Kahl.

Nos anos que se seguiram, sua genialidade foi se aprimorando cada vez mais, até conseguir se graduar em Corvallis High School e na faculdade California Institute of the Arts – foi lá que conheceu o amigo de longa data, John Lasseter. Ganhou um contrato com a Disney, mas resolveu ir para a Fox, onde trabalhou em diversas séries como ‘Histórias Maravilhosas’ e ‘Family Dog – Show Dog’ e no clássico da Sessão da Tarde, ‘O Milagre veio do Espaço’.

Mas foi só em 1999 que realmente apareceu para o mundo com o tocante ‘O Gigante de Ferro’, animação que trazia diversas referências às ficções científicas dos anos 50 e tinha um roteiro simples sobre amizade, mas que conseguia tirar lágrimas dos espectadores. Infelizmente foi ofuscado nos cinemas por ‘O Sexto Sentido’, estrondoso sucesso da época. Mesmo assim, conseguiu se pagar com tranquilidade e ainda faturou prêmios como o BAFTA e o Annie Awards.

Voltando para seu local de origem, ou seja, a Pixar, Bird roteirizou ‘Os Incríveis’, divertida história sobre uma família de super-heróis que se foram obrigados a se aposentarem. As homenagens a Watchman, Superman e tantos outros, estão lá para quem quiser ver. Arrecadou mais de 630 milhões de dólares no mundo todo e ainda levou o Oscar de Melhor Animação para a casa. Com isso, seu nome entrou de vez no hall de grandes diretores da atualidade.

No ano seguinte fez o curta metragem ‘O Ataque de Zezé’ e em 2007, volta a dirigir e roteirizar outro longa metragem lindíssimo. Desta vez, Bird conta a história do ratinho que sonha em ser chef de cozinha em Paris. ‘Ratatouille’ é uma obra prima, emocionante e que contém uma crítica aos críticos, sejam eles de cinema, culinária, moda e etc. Outro Oscar para a Pixar e 623 milhões de dólares em seus cofres.

Em 2010 leva o Annie Awards Honorário e depois vai para o mundo real com ‘Missão: Impossível – Protocolo Fantasma’. Talvez seja, até o momento, o filme mais fraco de toda sua carreira, pois fica preso aos comandos de Tom Cruise e companhia. Mas mesmo assim, consegue cenas de ação de tirar o fôlego – quem não se lembra da escalada nos prédios em Dubai?. Arrecadou pelo mundo mais de 694 milhões de dólares, ganhou sinal verde para outras continuações da cine-série

Bird ainda dirigiu e roteirizou o pouco conhecido ‘1906’, que fala sobre um universitário que investiga a morte de seu pai. E por último, mas não menos importante, volta a encabeçar uma super produção hollywoodiana com George Clooney e Hugh Laurie em ‘Tomorrowland – Um Lugar onde nada é Impossível’. Será que vale a pena conferir esta ficção científica que leva o espectador a uma realidade paralela? Saberemos isso só a partir de sexta feira.

Para finalizar, ‘Os Incríveis 2’ pode sair do papel em breve e com o comande de Brad Bird. Não seria nada mal ver aquela família novamente em tela grande.

Por Éder de Oliveira

Comente via Facebook

Comentários

LEAVE A REPLY

Your email address will not be published. Required fields are marked ( required )

Críticas

Pipocast

Séries

Entrevistas