You are here:  / Críticas / Premiações / BLUE JASMINE

BLUE JASMINE

Grandes diretores conseguem criar assinaturas visuais que são logo reconhecidas pelo público. É assim com Christopher Nolan, Clint Eastwood, Martin Scorsese, Zack Snyder (para o bem ou para o mal) e também com Woody Allen. O fato é que, apesar de notarmos diversas passagens que lembrem seus trabalhos anteriores, Allen perde um pouco a mão em ‘Blue Jasmine’.

Não fosse a maravilhosa interpretação de Cate Blanchett (Não Estou Lá), como uma megera intragável e lotada de manias irritantes e a adição dos coadjuvantes que conseguem uma química incrível, o roteiro não se sustentaria sozinho. Mesmo não expondo totalmente, o diretor faz um estudo de caso sobre a crise financeira que afeta o planeta e a forma com que determinadas pessoas lidam com isto.

Sua protagonista passa o filme todo à base de remédios, bebidas e cigarros e a profusão de idas e vindas no tempo mostra os representantes da classe alta como um bando de mesquinhos bem arrumados e a classe média como extravagantes com as vidas desajeitadas, mas de certa forma, mais felizes.

Depois de perder todo o dinheiro por culpa do marido, Jasmine vai morar com sua irmã no subúrbio de São Francisco. Mesmo sem um tostão, continua levando uma vida de soberba e ao encontrar um novo parceiro, vê nele a nova oportunidade para voltar ‘ao topo’, mas como diria o velho ditado: ‘mentira tem pernas curtas’.

Sally Hawkins (Simplesmente Feliz) e Peter Skaargard (A Órfã) também estão excelentes em cena, o problema é que as soluções rápidas inseridas, principalmente no terceiro ato, como se as idéias bacanas houvessem acabado, não fazem jus à grandiosidade de toda aquela celeuma de sentimentos reprimidos. Que da próxima vez, Allen possa assinar sua produção com Gaia High Luxury e não com uma simples caneta Bic.

Título Original: Blue Jasmine
Ano Lançamento: 2013 (Estados Unidos)
Dir: Woody Allen
Elenco: Cate Blanchett, Alec Baldwin, Peter Sarsgaard, Louis C.K., Alden Ehrenreich, Sally Hawkins, Charlie Tahan, Max Casella

ORÇAMENTO: —
NOTA: 6,0

Comente via Facebook

Comentários

LEAVE A REPLY

Your email address will not be published. Required fields are marked ( required )

Críticas

Pipocast

Séries

Entrevistas