You are here:  / Críticas / ALICE NO PAÍS DAS MARAVILHAS

ALICE NO PAÍS DAS MARAVILHAS

blogs.abril.com.br

 

É uma pena que o filme de maior bilheteria de Tim Burton (‘A Lenda do Cavaleiro sem Cabeça’) seja tão fraco e desprovido de toda força que o texto de Lewis Carroll carrega. Provavelmente pelo fato de usarem a tecnologia 3D, os espectadores e fãs do diretor resolveram dar uma conferida neste projeto que prometia ser um dos melhores de 2010.

O roteiro de Linda Woolverton é sonolento e os 108 minutos se arrastam e cansam quem se propôs assistí-lo. Inúmeros críticos fizeram grandes elogios a atriz principal Mia Wasikowska (‘Um Ato de Liberdade’), mas quem ofusca a todos é Helena Bronham Carter (‘Clube da Luta’) como a vilã Rainha Vermelha. Mesmo assim, dois pontos são tratados com exuberância e perfeição: o figurino (por vezes me peguei achando que estava num desfile de moda, tamanha beleza e variedade das roupas) e a parte visual, alucinante e psicodélica, com o uso quase irresponsável das cores.

Alice, agora com 19 anos, retorna ao País das Maravilhas para fugir de um casamento arranjado com um lorde almofadinha. Reencontra antigos e estranhos personagens como Chapeleiro Maluco, a Rainha Branca e a Rainha Vermelha. Ali, ela lutará para voltar para a casa e tentará acabar com o reino da temível vilã.

Em ‘Alice no País das Maravilhas’, percebemos o quanto o ego de Tim Burton estava inflado e descontrolado e dividindo tal ‘excentricidade’ está o amigo Johnny Depp, interpretando o Chapeleiro Maluco. A batalha final é risível e a narrativa é mal desenvolvida, faltou menos grandiosidade e mais simplicidade para que a película funcionasse em sua perfeição.

Título Original: Alice in Wonderland
Ano Lançamento: 2010 (EUA)
Dir.: Tim Burton
Elenco: Johnny Depp, Mia Wasikowska, Helena Bonham Carter, Anne Hathaway, Crispin Glover, Matt Lucas, Stephen Fry, Michael Sheen

ORÇAMENTO: 200 Milhões de Dólares

Comente via Facebook

Comentários

12 COMMENTS

  • Todos querem e fazem as criticas absurdas que vem a cabeça. porém, nunca irão chegar perto de fazer um gradioso filme como esse!

  • eu sou um que não tenho muito o que falar do filme…afinal DORMI!
    No meio do cinema…em 3D! foi a mesma coisa com Avatar….pessoal faz filme cheio de efeito, mas não desenvolve direito…ai eu durmo!

  • Olha, de boa … eu achei arrastadíssimo também.. é um filme muito bonito visualmente falando, mas tão chatinho que eu fiquei até triste com o desperdício da história….

  • Eu concordo com o post.Alice em termos de história e roteiro foi um completo desastre. Senti falta de um fundamento maior, onde Burton não de preocupa somente com o figurino e a fotografia (que é simplesmente genioso e Burton domina) mas com uma história e um significado coerente, como foi em Sweeney Todd (fato que notamos que não faz muito tempo que o diretor foi capaz de fazer uma peça boa).

    É tudo vazio, a trama não te prende, nem mesmo a protagonista. Agora Helena Bonham-Carter é o talento em pessoa! Adoro ela! Não é aquelas atrizes que você percebe que se preocupa puramente com sua beleza. É excentrica e expressiva.

    Abs!

    Natalia Xavier

  • Tá faltando conteúdo. Muito efeito e pouca história. Assim foi Matrix, começou bem com o 1, depois com o 2 3 o 3 virou portfolio de efeitos especiais.

  • Caro autor desse post,
    Em filmes de Tim Burton, fique atento aos detalhes, aos detalhes.

  • "Caro autor desse post,
    Em filmes de Tim Burton, fique atento aos detalhes, aos detalhes."

    Realmente,,.. pq se fomos analisar o todo.. fica muito ruim…

    Concordo.. eu assisti o filme.. ele é, gráficamente, muuuito bom… e utilizou efeitos especiais com uma sutileza memoravel.. mas

    A história é fraca…, a atuação da Alice é fraca;…… TEM UMA LUTA DELA CONTRA UM DRAGÃO….. foge muito do contexto criatico da história original e, principalemte, mais pareceu um filme pop, seguindo sempre a mesma vertente repetitiva de Tim Burton….

    Gostei do Post e acho ótimo a existencia de pessoas q analisam filmes por si só, sem se influenciar pela alvorosso feito pela midia

  • Caro autor desse post,
    Em filmes de Tim Burton, fique atento aos detalhes, aos detalhes.[2]

  • Caro autor desse post,
    Em filmes de Tim Burton, fique atento aos detalhes, aos detalhes. [3]

    Os filmes do Burton, não são para qualquer um assistir, não importa o todo, e sim os pequenos detalhes, as pequenas mensagens…

    E sim, foge completamente da história original, mas quem foi que disse que era a história original!

    O filme é OTIMO.. uma pena que vocês não souberam apreciar!!

  • Eu gostei do filme, foi a mistura dos dois livros de Lewis Carroll (Alice in wonderland e Through the Looking-Glass and What Alice Found There) criando uma historia totalmente nova.

    Eu li no comentário de um anônimo sobre a luta do dragão que foge totalmente do contexto…amigo, o Jabberwocky (o dragão) é um personagem do segundo livro…então não, não fugiu do contexto.

    Quanto ao visual, estava impecável como sempre, n]ao esperava menos do Tim.

    A atris que interpretou a Alice, ela é boa, mas foi um erro coloca-la lado a lado com Johnny Depp, ele roubou totalmente a cena.

    Em filmes de Tim Burton, fique atento aos detalhes, aos detalhes. [3]

  • Muito bom o post.
    Não imaginam o quanto é doloroso reconhecer isso, mas como acima de Tim Burton está o amor ao cinema, deve ser dito. O que vimos nesse filme foi um besteirol travestido de clássico da literatura, porém muito bem maquiado.
    A produção pegou carona – porque o filme somente tangencia o original – para facilitar a promoção do longa, acredito.

    Um dragão! Pelamordedeus… Alice em uma armadura, decapitando um dragão! Além de desfigurar o filme, também transformaram a Alice de forma irreconhecível!!!

    E por que cazzo estão fazendo tantos remakes assim? Será sequela da greve dos roteiristas de Hollywood?
    Caratê kid, Alice, etc… e o que apresentam de novo, não tem nada inovador.

    Prefiro assistir os jogos da Copa.

  • Eu amo filmes, aprecio efeitos especiais, adoro os filmes de Tim Burton, adoro a versão original de Alice, mas me decepcionei ao assistir ao filme, eu sabia que não era a historia original, mas estava esperando uma história que me prendesse, que fizesse as pessoas viajarem em Wonderland, mas acabei viajando no meu sonho, pois o filme me deu muito sono, nem assisti o final, só lembro até a parte da luta contra o dragão. Fiquei o tempo todo na expectativa da parte legal do filme, e não vi nenhuma parte que me chamasse a atenção. Esse pra mim foi muito boring.

LEAVE A REPLY

Your email address will not be published. Required fields are marked ( required )

Críticas

Pipocast

Séries

Entrevistas