You are here:  / Críticas / Destaque / Trailers / Aliados, a nova empreitada de Robert Zemeckis

Aliados, a nova empreitada de Robert Zemeckis

Robert Zemeckis é um dos diretores mais versáteis de Hollywood na atualidade e esteve à frente de projetos tão distintos quanto o drama A Travessia, a animação A Lenda de Beowulf, o suspense Revelação ou o drama de guerra Aliados, que estreia na próxima quinta-feira em todos os cinemas nacionais e concorre ao Oscar de Melhor Fotografia.

Talvez esta gana de fazer um filme que rendesse indicações nas principais categorias tenha atrapalhado um pouco este processo, pois Aliados tinha tudo para ser inesquecível, com sua homenagem ao gênero noir e suas belíssimas locações e reconstrução de época – sem contar a busca pelo amor, que permeia todos os 120 minutos de projeção –, mas a alma do projeto parece não estar lá.

Com roteiro oscilante escrito por Steve Knight, Zemeckis vai traçando um jogo de gato e rato que lá pelas tantas, e com umas bocejadas aqui e ali, acaba cansando. Brad Pitt e Marion Cotillard – que começam entregando boas atuações – parecem puxar o freio de mão e quando o desfecho chega, você não se importa com ninguém.

Aliados

Foto: Poster do filme

Em plena 2ª Guerra Mundial, os espiões Max Vatan e Marianne Beausejour se apaixonam enquanto estão numa missão no Marrocos. Anos depois e já casados, o alto escalão americano desconfia que Marianne passa informações para os alemães, obrigando Max a investigar o passado de sua esposa.

As cenas de ação compõem uma espécie de necessidade para que o filme tente tomar fôlego novamente, mas isso não acontece em momento algum. Com um investimento altíssimo e um retorno pra lá de desfavorável, Aliados só não é um total desperdício por conta de sua excelente parte estética, tirando isso, é moroso e pode empoeirar nas prateleiras à vontade.

Título Original: Allied
Ano Lançamento: 2017 (Estados Unidos)
Dir: Robert Zemeckis
Elenco: Brad Pitt, Marion Cotillard, Jared Harris, Lizzy Caplan, Matthew Goode, Camille Cottin

ORÇAMENTO: 85 Milhões de Dólares
NOTA: 5,0

Por Éder de Oliveira

Indicações ao Oscar: Melhor Fotografia

Comente via Facebook

Comentários

LEAVE A REPLY

Your email address will not be published. Required fields are marked ( required )

Críticas

Séries

Games

Canal Cinema e Pipoca