You are here:  / Críticas / Agente Biológico, a pior obra de Van Damme em anos

Agente Biológico, a pior obra de Van Damme em anos

Quantas tentativas para reerguer a carreira do ex-astro Jean Claude Van Damme (JCVD) presenciaremos? Quem, em sã consciência, pode bancar projetos do cidadão que encabeçou o elenco de bombas como Street Fighter, Inferno, A Colônia e este Agente Biológico, só para citar alguns?

Agente Biológico

Como tortura pouca é bobagem, os espectadores são massacrados, dilacerados e arrebentados por frases feitas, momentos dramáticos que tiram risos, cenas de ação sonolentas e, enfim, efeitos especiais (apesar de poucos) terríveis.

Agente Biológico requer paciência a um nível extremo ou, então, insônia em estado avançado. Só assim verá a película até o final. E, certamente, mês que vem, outra pérola de Van Damme estará nas locadoras, aguardem com ‘ansiedade’.

Sinopse de Agente Biológico:

Um trem desgovernado carregando produtos químicos altamente tóxicos é sequestrado pelos vilões e o mocinho tenta salvar o dia, espalhando sopapos e chutes nas faces alheias, ajudado (ou atrapalhado) por coadjuvantes tão fracos quanto ele.

NOTA: 2,0
ORÇAMENTO: —

Comente via Facebook

Comentários

LEAVE A REPLY

Your email address will not be published. Required fields are marked ( required )

Críticas

Pipocast

Séries

Entrevistas